Arquivo da tag: subsídios

Minas de Sanfins: Espólio e Subsídio

Em outubro declarou-se insolvente a empresa concessionária das minas de Sanfins depois de cobrar mais de 2 milhões de euros em subsídios públicos

As minas de Sanfins, enclavadas nas comunidades de Silva Redonda, Frojám e Afeosa, continuam representando o roubo da riqueza do subsolo da paróquia de Vila Cova. A empresa Incremento Grupo Inversor S.L. é a mais recente das companhias que, em base à Lei de Minas franquista de 1973, se apropriaram da concessão para explorar umas terras que desde sempre pertenceram às comunidades vizinhais circundantes.

O recente concurso de acredores de Incremento, participada pola estadunidense Global Tungsten & Powders, depois de obter 2.086.755 € em subsídios públicos a fundo perdido do governo galego e do Ministério de Indústria, deixa em evidência a estratégia das empresas concessionárias: especular com o potencial das minas, obter ajudas multimilhonárias do Estado, estafar os trabalhadores (que até se encerraram na mina para reclamarem os seus salários) e empresas de subministros e desentender-se da reparação dos danos ambientais.

O Partido da Terra de Vila Cova defende que a gestão da concessão mineira deve ser devolvida às comunidades de montes vizinhais afectadas da paróquia

Frente este modelo, o Partido da Terra de Vila Cova defende que a gestão da concessão mineira (incluindo a decisão sobre a sua continuidade e destino de qualquer benefício) deve ser devolvida às comunidades de montes vizinhais afectadas da paróquia deixando de estar nas mãos de empresas interessadas apenas em papar os subsídios à minaria pagos com os quartos de todos.

Subsídios públicos recebidos pola empresa Incremento até a sua insolvência em outubro de 2013

Data

Euros

Procedência

Dezembro 2008

589.700

Xunta de Galicia

Março 2009

300.000

Ministerio de Industria

Fevereiro 2010

645.855

Xunta de Galicia

Fevereiro 2010

495.200

Ministerio de Industria

Outubro 2010

54.000

Xunta de Galicia

Outubro 2013

Insolvente

Juzgado do Mercantil